Russa supera expectativas e vive há 6 anos com o coração para fora do peito

coracao

Menina também tem os intestinos para fora e não possui músculos no abdome nem diafragma

Quando estava grávida de Virsaviya, Dari Borun ouviu dos médicos a notícia que nenhuma mãe quer escutar. “O médico disse que ela não iria sobreviver”, relembrou em entrevista à NBC Miami.

Aos 6 anos, Virsaviya superou o prognóstico e vive como uma criança normal, apesar de sofrer com a Pentalogia de Cantrell, uma condição congênita que fez com que ela nascesse com o coração e os intestinos para fora da cavidade abdominal. Ela também não tem músculos abdominais nem diafragma.

A condição é rara e ocorre em cerca de um a cada 5,5 milhões de nascidos vivos. O coração da menina é do tamanho de um punho e pode ser visto batendo através de uma fina camada de pele. Borun e sua mãe se mudaram da Rússia para os EUA, em busca de tratamento médico.

Apesar de todos os problemas de saúde, a garota é alegre, vai à escola de dança e adora fazer as coreografias de Beyonce.

No início deste ano, a mãe da menina, encontrou um médico do Hospital Infantil de Boston, disposto a tratá-la. A Pentalogia de Cantrell requer, em geral, cirurgia, dependendo da gravidade dos defeitos, e pode ser fatal se não for tratada.

Mas Virsaviya ainda não pode passar pela cirurgia porque sua pressão arterial está elevada. A menina será avaliada novamente em dois anos para determinar se a operação poderá ser feita de forma segura.

Enquanto isso, a mãe se mudou para a Flórida, cujo clima ameno é benéfico para a menina e está pedindo ajuda na internet para cobrir despesas das duas, além da conta dos médicos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s